Quarta-feira, 13 de Janeiro de 2016

- Paulo, ajudas-me a fechar a máquina de lavar a louça?

- Outra vez fora dos carretos?! Tens que ter mais cuidado a empurrar os suportes.

- Nunca me entendi com esta máquina!

 

É sempre assim. A máquina, convenhamos, já tem uma certa idade, por isso, é normal que tenha alguma dificuldade em cumprir certas tarefas. Temos de ser tolerantes antes que se passe, definitivamente, dos carretos, a máquina, claro!

 

Vila Nova de Gaia, 14 de dezembro de 2013.

 

*

 

Aproveitei uma promoção e comprei uma máquina nova. Agora só ouço elogios à máquina. Já não precisa de mim e encurtaram-se os nossos diálogos conjugais.

 

Vila Nova de Gaia, 13 de janeiro de 2016.

 

 



publicado por Paulo Moreira Lopes às 19:01
São factos do quotidiano, aparentemente sem qualquer importância, aos quais o autor dá a relevância do absoluto, do todo. É a sua obra-prima, sem prejuízo de outro entendimento.
mais sobre mim
Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
29
30



pesquisar neste blog
 
blogs SAPO