Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias mal contadas

São factos do quotidiano, aparentemente sem qualquer importância, aos quais o autor dá a relevância do absoluto, do todo. É a sua obra-prima, sem prejuízo de outro entendimento.

Histórias mal contadas

São factos do quotidiano, aparentemente sem qualquer importância, aos quais o autor dá a relevância do absoluto, do todo. É a sua obra-prima, sem prejuízo de outro entendimento.

18.Dez.13

João Pedro Marnoto

 

Para o João Pedro, o Porto, a sua cidade natal, é o seu porto de abrigo. Já navegou por muitos e variados mares (faz jus ao nome) e, nos últimos tempos, tem viajado entre Trás-os-Montes e o vale do Douro, mas regressa sempre ao lugar onde se sente mais seguro: Paranhos (por pouca soava a paramos). É a sua zona de conforto. Por influência da família, os seus interesses não se limitaram ao espaço urbano, daí a explicação das incursões pelo meio rural, que agora se revelam no seu trabalho mais recente, a cores e às vezes, poucas, a preto e branco. 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.