Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias mal contadas

São factos do quotidiano, aparentemente sem qualquer importância, aos quais o autor dá a relevância do absoluto, do todo. É a sua obra-prima, sem prejuízo de outro entendimento.

Histórias mal contadas

São factos do quotidiano, aparentemente sem qualquer importância, aos quais o autor dá a relevância do absoluto, do todo. É a sua obra-prima, sem prejuízo de outro entendimento.

26.Jan.14

Censura

 Chema Madoz

- Pai, és a favor da censura?

 

Respondi afirmativamente, pois uma sociedade não pode subsistir sem regras, as quais pressupõem a culpa (censura) e a punição (sanção penal, civil, disciplinar e outras). Sem ela seria a anomia (sinónimo da anarquia). Depois apercebi-me que a censura a que se referia dizia respeito ao Fascismo que estava a estudar na disciplina de História. Aí calei-me.

 

Vila Nova de Gaia, 25 de janeiro de 2014.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.